Juiz Cristiano José Macedo Costa se despede do TRE

 

juiz

Na tarde da última terça-feira, após a Sessão plenária, o Juiz Cristiano José Macedo Costa se despediu do colegiado do TRE-SE.

Em depoimento, o presidente do TRE mencionou o prazer de ter sido também colega de turma de Cristiano. “Apesar da fisionomia séria, guarda dentro de si um coração enorme. Uma pessoa extremamente atenciosa que jamais deixou de ouvir um colega, de ajudá-lo. Seu conhecimento jurídico, sua inteligência são atributos que todos conhecem. Deu grande contribuição para esta Corte. Vamos sentir saudades”, falou Cezário Siqueira Neto.

O Des. Osório de Araújo Ramos Filho, manifestou sua admiração pessoal pela cultura e sabedoria do doutor Cristiano. “É um colega com enorme simpatia, cordial, agradável, que tem uma facilidade de se manifestar, de escrever, de ser persistente. Um homem que sabe aplicar o Direito com muita ciência e técnica”, comenta.

A Dra. Denize Maria de Barros Figueiredo, traduziu-o num só pensamento: lealdade (como símbolo de amizade, sinceridade). “Não há como não conhecer e não se apaixonar por ele”.

Já o Dr. Alcides Vasconcelos Filho, desejou-lhe “votos de sucesso na magistratura”.

A Dra. Gardênia Carmelo Prado falou da aprendizagem, admiração e o carinho tido pelo, não colega, mas amigo, Cristiano. Desejando-lhe boa sorte na continuidade de seus trabalhos como Magistrado estadual.

O Juiz Federal, Fernando Escrivani Stefaniu, lembrou da importância fundamental de Cristiano na sua vida profissional. “Era amigo de meus pais. Quando entrei na faculdade de Direito, sem ter certeza da minha vocação, Cristiano me aceitou como estagiário voluntário na 10ª Vara Cível, onde pude ter contato com meu primeiro processo e fazer minha primeira minuta de sentença. Ele me proporcionou essa experiência que foi de extrema importância para descobrir minha vocação. E, atualmente, tive a oportunidade e o privilégio de trabalhar com ele na posição de colega, pra mim foi muito gratificante”.

O Dr. Rômulo Almeida falou de Cristiano como alguém que sempre está com um sorriso no rosto apesar das dificuldades, dos processos mais complicados.

O juiz Cristiano Costa agradeceu o depoimento dos colegas. “A bondade advinda dos senhores é uma prova da generosidade resistente em seus corações. Esse biênio foi uma grande lição, por meio da qual aprendi e apreendi e que me ajudou, contribui para minha caminhada. Outros embates hão de vir e, com certeza, os senhores continuarão presentes e podem contar comigo para o que der e vier”.

Check Also

Pesquisa mostra Dr. Gilson Andrade com mais de 67% de aprovação em Estância

Dr. Gilson Andrade aparece, também, com 35,5% de preferência na eleição majoritária de Estância. Em ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.