Governo vai ao Santa Maria e leva mais de 30 serviços para a comunidade

O Governo do Estado aproxima os serviços mais urgentes dos cidadãos mais carentes. Está é a proposta do Programa Seidh Itinerante, que durante todo o dia de sábado, 05, levou confecção de carteiras de identidade e de trabalho, atendimentos de saúde, informações para a mulher, entre outros, à comunidade do bairro Santa Maria, na capital. O governador Jackson Barreto participou da ação, percorrendo os diferentes pontos de atendimento disponibilizados.

A organização da ação é da Secretaria de Estado da Mulher, Inclusão, Assistência Social, do Trabalho e dos Direitos Humanos (Seidh), com a participação de outros órgãos estaduais. Esta é a terceira edição, as outras ocorreram nos municípios de Poço Redondo e Neópolis e para o governador, eles representam a presença do governo nestas localidades para além dos serviços geralmente já prestados. Nesta edição, o combate ao mosquito Aedes Aegypti também foi discutido.

 

foto gov 2
“Localidades como o Santa Maria precisam de ações como esta. Aqui também tem uma participação da secretaria da Saúde, nas áreas mais vulneráveis da nossa cidade e nós vamos continuar com esse trabalho, vamos voltar aqui no dia 20 e eu aproveito a oportunidade para convocar a sociedade, a comunidade aqui do bairro Santa Maria, as lideranças comunitárias, junto com as secretarias para a gente fazer, alem dos serviços prestados hoje, uma guerra ao mosquito da dengue e agora mais ainda com a ampliação dos casos de microcefalia em Sergipe, que é produzida através do zika vírus. Vamos fazer o trabalho de visita às casas, de conscientização da população, de que é preciso tirar a água parada onde estiver, é guerra contra o mosquito”, ressaltou Jackson Barreto.

A secretária de Estado da Inclusão, Marta Leão, explica que a ação identificou as reivindicações mais urgentes e, devido a demanda, o evento voltará a ser realizado no bairro no dia 20 de dezembro. ‘O anseio da comunidade é tão grande que, enquanto a gente não atender ao menos 30% do solicitado, a gente não sai do bairro”, destaca.

“Foi com a intenção de iniciar esse trabalho que o Governo, através da Seidh, desde março realiza este serviço. Estamos indo para o interior, os municípios mais carentes que nos solicitaram e vendo o anseio destas localidades através dos nossos espaços ‘Cuidar’, que mantemos em diferentes regiões. Durante estes últimos três meses, vimos a necessidade do bairro Santa Maria”, informa a secretária.

Saúde

A secretaria de Estado da Saúde se integrou ainda mais nesta edição do evento. O secretário José Sobral, que esteve presente durante a manhã, explicou o porquê da ação intensiva.

“Nós precisamos enfrentar a questão da microcefalia e a gente sabe que ela está associada ao Aedes Aegypti. Trouxemos aqui a nossa equipe de  brigada, vamos reforçar o trabalho, dando apoio a todos os municípios e também nesse bairro. É uma região que precisa ser controlada e o foco do trabalho hoje aqui é dizer ao cidadão de Aracaju e do nordeste brasileiro: na região Nordeste, 82% da larva do mosquito estão na nossa caixa d’água. A tampa, simplesmente, não resolve. É preciso fazer o isolamento, colocar um plástico, borracha, fita isolante, porque qualquer fresta o mosquito entra e coloca ovos e a gente continua tendo infestação. Estamos no começo do verão e vamos fazer um trabalho intenso”, destacou Sobral.

Os testes rápidos para as DST’s/Aids também forma realizados. “Já detectamos cinco casos de sífilis em mulheres, precisamos combater o sífilis congênita, Sergipe tem um índice muito negativo, ou seja, muitas crianças nascendo com a doença”, contou o secretário. Além desses, atendimentos básicos também foram buscados pela população. “Eu vim para fazer aferição da pressão arterial e glicemia, consegui verificar a pressão e já estou liberado. Foi rápido”, contou o morador Jacinto Ribeiro.

Atendimentos

Entre os serviços mais procurados está a confecção da carteira de identidade, com a presença do Instituto de Identificação. A proposta era entregar 400 documentos até o final da ação. O garoto Ivanclei Santos Ferreira, de 13 anos, acompanhado da mãe conseguiu o seu RG. Ele recebeu o documento das mãos do governador Jackson Barreto.

A dona de casa Jerusa Batista dos Santos ficou satisfeita por conseguir os documentos para ela e os filhos nas proximidades de casa. “Hoje vim tirar a segunda via para mim e a primeira dos meus filhos, e consegui”, conta realizada. “Fiquei sabendo do evento com os vizinhos e na televisão. Achei muito bom”, completou.

Mas teve grande procura também a confecção da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), serviço de pedido do seguro desemprego. A servidora pública, Maria Geobiane da Silva, em poucos minutos teve o serviço que buscava.

“Vim tirar as carteiras de trabalho dos meus dois filhos, de 14 e 16 anos, que eles ainda não têm. Fui informada que dia 20 vai ter outro evento, e eu vou receber aqui mesmo”, conta satisfeita a moradora do bairro 17 de março.

O Seidh Itinerante contou também com os serviços da Unidade Móvel (ônibus lilás), da coordenadoria de Políticas para Mulheres; das coordenadorias de Assistência Social, da Mulher, da Juventude, dos Direitos Humanos, do Trabalho e Emprego e da Defesa Civil; do Samu; avaliação nutricional; palestra sobre educação, alimentar infantil, rodas de conversa, massagens, orientações às famílias de crianças e adolescentes com deficiência; atendimento do Banese Card; teste vocacional; e informações e atendimento sobre o Cadastro Único e o Programa Bolsa Família.

Presenças

Durante a ação, estiveram presentes o deputado federal Fábio Mitidieri, os vereadores Max Prejuízo e Bigode, o gerente do Programa de DST/Aids Amir Santana, a superintendente do Samu Conceição Mendonça.

Check Also

Canindé: Hugo de Pank toma posse no Parlamento Municipal

  Um dos vereadores eleitos mais jovens da história de Canindé de São Francisco, Hugo ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.