Ana terá a oposição de Jackson em 2016 e 2018

foto bastidores
Bastidores: www.nenoticias.com.br
Ana terá a oposição de Jackson em 2016 e 2018

Ana terá a oposição de Jackson em 2016 e 2018

Como Bastidores  antecipou, na cabeça e nos projetos do governador Jackson Barreto (PMDB), a deputada estadual Ana Lúcia (PT) poderá até participar da campanha de 2018 que ele, Jackson, definir, mas não terá seu apoio em 2016, nem sua simpatia dois anos depois.

Como o PT não vai romper com o governo, pelo menos até que seja definido o jogo para 2018, Ana Lúcia será a parte da legenda fora, enquanto Francisco Gualberto continuará sendo o líder desse mesmo governo na Assembleia Legislativa.

Na campanha eleitoral de 2018, se PT e PMDB continuarem misturados, o que na política não é fácil nem é impossível, o que está definido na cabeça de Jackson é que vai tentar evitar a reeleição de Ana Lúcia para a Assembleia.

Eduardo e o bloco

O senador Eduardo Amorim vai para o PSDB, mas só o fará depois que fique garantida a manutenção do bloco União e Força, no Senado.

Robson apoia Jony

O deputado estadual Robson Viana (PMDB) fez acordo com o deputado federal Jony Marcos (PRB), e apoia sua pretensão de ser prefeito de Nossa Senhora do Socorro.

Apoio dos evangélicos

Jony acredita que terá o apoio de 100% das igrejas evangélicas.

Check Also

Presidente da Câmara de Canindé  Adilson Galindo destaca atuação de vereadores na pandemia e ações de conscientização

A atuação dos vereadores canindeenses  nas ações de enfrentamento e combate à pandemia da Covid-19 foi ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.