Laércio e Alessandro discutem com membros do Sindipetro e parlamentares ações em defesa da Fafen

 Em reunião realizada pelo senador Alessandro Vieira com representantes do Sindipetro, o deputado federal Laércio Oliveira informou que solicitou uma audiência com o presidente em exercício Hamilton Mourão para discutir o problema da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados em Sergipe (Fafen-SE). O parlamentou explicou todo o processo que tem encaminhado em Brasília. “Durante a reunião da Frente Parlamentar da Agricultura realizada na semana a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, ficou de marcar uma audiência com o presidente da Petrobras, no Rio de Janeiro. Essa semana já tenho uma reunião agendada com a ministra”, disse Laércio.

Laércio acrescentou que como acho que o assunto é urgente, é preciso unir forças para agilizar o processo, ele solicitou uma audiência com Mourão. “Quero convidar o senador Alessandro para participar, juntamente com o grupo de trabalho que está sendo formado na Câmara para tratar desse assunto que é urgente”, explicou.

A reunião foi realizada no auditório do Shopping Casa Design, em Aracaju, com a participação secretário Geral de Governo, José Carlos Felizola e o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), José Augusto Carvalho, deputados estaduais, vereadores, prefeito de Laranjeiras, e representantes do Sindipetro.

O deputado também explicou que é importante que os deputados estaduais e vereadores participem da audiência. “Precisamos unir força política e mostrar que Sergipe está se movimentando em torno de uma solução para a Fafen. Não podemos deixar que a fábrica hiberne ou feche as portas de uma vez. Estamos falando de empregos perdidos, de mudança de vida para os trabalhadores que serão transferidos e também do prejuízo que teremos no Brasil que passará a depender de 100% da importação dos seus fertilizantes”, enfatizou Laércio.

O senador Alessandro Vieira falou que o objetivo da reunião é unir esforços contra o fechamento da Fafen. “Precisamos nos unir para construir soluções efetivas que garantam não apenas a reabertura da Fafen, mas principalmente a sua viabilidade econômica no longo prazo”, disse Alessandro acrescentando que vai acompanhar o deputado nas reuniões para conseguir soluções para esse problema.

O secretário da Sedetec, José Augusto Carvalho, explicou sobre o grupo de trabalho que foi criado pelo governo do estado e que há alternativas à paralisação da produção e viabilidade para a permanência da Fafen, em Laranj

eiras, aqui em Sergipe. O relatório já foi entregue pela assessoria de Laércio para a Frente Parlamentar da Agropecuária e servirá como base para os estudos que estão sendo desenvolvidos.

“Fechar um fábrica de fertilizantes significa destruir a agricultura. Se o país tem a pretensão de ser o país de celeiro agrícola e produtor de grãos fechando fábrica de fertilizantes. Hoje temos duas fábricas de fertilizantes nitrogenados em operação no país, as duas respondem por 20% da produção de fertilizantes no Brasil”, explicou o secretário José Augusto Carvalho.

Representantes dos sindicatos e de empresas de estão sendo prejudicadas com essa situação dos trabalhos da Fafen também apresentaram as reivindicações e entregaram um documento elaborado pelo Fórum Estadual em Defesa das Fafens aos parlamentares durante a reunião. Também participou da reunião o ex-governador, Albano Franco, que no ano passado se integrou à luta ao marcar audiência com o então presidente Michel Temer e conseguiu a prorrogação do prazo para hibernação da Fafen.

 


 

 

 

Check Also

           Claudio Vasconcelos recebe convites de partidos para filiação em Estância

  “dependo dos meus apoiadores para juntos ingressarmos no melhor caminho para concretização do projeto ...